Close

Gilmore Girls – Um Ano para Recordar: Primavera

img-thing
Já começo falando que na primavera as coisas ficaram mais paradas…

A Rory está perdida profissionalmente, além de estar numa fase de crise existencial e nesse embalo ela acaba perdendo seu atual emprego temporário de escritora de livro e isso faz ela acabar aceitando uma entrevista em um lugar que ela nem queria trabalhar.
Lorelai se ver no dilema de que sua pousada precisa crescer para atrair novos hospedes e assim refletir na economia da cidade também, mas para isso ela teria que expandir e fazer reformas, o que não agradou muito a ela. E nesse impasse além da Sookie ainda não ter aparecido na série, pois está viajando com a família, seu mordomo Michel, acaba indo embora também deixando Lor em uma situação difícil.
Kirk volta a aparecer com todo seu humor e dessa vez ele apresenta, no cinema da cidade, um curta metragem que ele mesmo fez. E o negócio é tão horrível e bizarro que chega a ser engraçado.
A Rory e a Paris e recebem o convite do diretor para voltarem a Chilton, que foi onde elas estudaram e se conheceram. Lá elas vão dar uma palestra sobre toda jornada delas e acabam encontrando uma garota, que foi a rival de Paris no colegial e elas acabam se bicando no banheiro, para vocês terem uma noção. E o Trist também estava lá, por quem Paris viveu apaixonada por muito tempo, e ela acaba dando umas crises porque acha que ainda gosta dele.
A gente ver de novo o Logan, que continua noivo e saindo com a Rory e mesmo me incomodando essa situação dá para notar que eles realmente eram para ter tido outro desfecho no final da temporada da série (sétima temporada). Dá para ver o quanto a Rory está perdida ao ponto dela nem se importar com essa situação.
E acaba justamente Rory cheia de malas como uma cara péssima e dizendo que está voltando para casa…
 
 
Espero que tenham gostado, beijo pra todo mundo e até o Verão (próximo post) :*
Assinatura

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *